Televendas (62) 3242-1022 - Goiânia - Go - Brasil
Reportagens na mídia - Brazil Electric

Experiência goiana na conferência

Carla Borges
Jornal O Popular - 16 de junho de 2012 (sábado)

Zuhair Mohamad

A experiência com o uso de bicicleta elétrica em Goiânia será apresentada no Fórum de Mobilidade por Meio Elétrico da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, pelo empresário Marlos de Souza e Silva, diretor da Brazil Eletric. Ele foi convidado pela ONU para falar sobre esse meio de transporte, desenvolvido a partir de 2005, que conta com milhares de adeptos no Estado, a maioria na capital. A palestra será no dia 18, no Espaço Cultural de Furnas. Também haverá exposição das bicicletas.

Marlos vai falar sobre a viabilidade do uso da bicicleta elétrica que, além de não ser poluente, é econômica – para o percurso médio do goianiense, de 12 a 20 quilômetros por dia, o gasto com energia é de aproximadamente 30 centavos por dia – e ainda sobre a aceitação que o veículo teve da população. “Há muitos laboratórios desenvolvendo experiências semelhantes, mas que não se concretizam. Conseguimos, no meio do Cerrado, com pesquisas realizadas desde 2005, desenvolver, criar. Hoje trabalhamos com esse tecnologia no mundo real”, comemora Marlos.

Outra vantagem apontada pelo empresário é que o veículo é híbrido. Tanto pode ser usado no modo elétrico nas subidas, sem necessidade de pedalar, como também no convencional, que exige esforço do condutor. Há modelos com autonomia de até 80 quilômetros por recarga de energia elétrica e outros com menos capacidade. Na feira será exposto um exemplar movido a energia elétrica.

Aos críticos do modelo, que argumentam que não há espaço para bicicletas em vias tomadas por carros e que seria necessária a criação de ciclovias para que os ciclistas trafeguem com segurança, Marlos diz que há caminhos alternativos, que muitas pessoas já estão usando. “É possível ganhar uma hora, uma hora e meia por dia, que seria gasta no trânsito”, assegura. Além disso, muitos usuários adotam a tática de usar a bicicleta no modo elétrico para ir ao trabalho e no pedal para voltar. “Muita gente não usa a bicicleta convencional para ir ao trabalho para não chegar todo suado”, diz.

 

 
Av. 2ª Radial Nº 364 Qd. 119 Lt. 05 - Setor Pedro Ludovico | CEP: 74.820-090 | Fone: (62) 3242-1022 - (62) 3093-3943 - (62) 3093-4618 - | Goiânia - Goiás - Brasil | contato@bicicletaeletrica.com.br